Biblioteca do Centro de Estudos e Pesquisas - REBRAEN
MEIO AMBIENTE

1972

Conferência de Estocolmo 1972

Em 1972, foi realizada a Conferência de Estocolmo com o objetivo de conscientizar a sociedade a melhorar a relação com o meio ambiente e assim atender as necessidades da população presente sem comprometer as gerações futuras.

 

1976

Seveso - Acidente e Diretivas 1976

A cidade de Seveso, na Itália, tornou-se mundialmente famosa quando em 10 de julho de 1976. Tanques de armazenagem na indústria química ICMESA romperam, liberando vários quilogramas da dioxina TCDD (2,3,7,8-tetraclorodibenzo-p-dioxina) na atmosfera e o produto espalhou-se por grande área na planície Lombarda, entre Milão e o lago de Como. Devido à contaminação, 3000 animais morreram e outros 70000 animais tiveram que ser sacrificados para evitar a entrada da dioxina na cadeia alimentar.

1989

Convenção da Basiléia 1989

A Convenção de Basileia sobre o Controle de Movimentos Transfronteiriços de Resíduos Perigosos e seu Depósito, foi concluída em Basileia, Suíça, em 22 de março de 1989. A convenção procura coibir o tráfico ilegal e prevê a intensificação da cooperação internacional para a gestão ambientalmente adequada desses resíduos.

1992

Conferência Mundial para o Meio Ambiente e Desenvolvimento - Eco-92 1992

Realizada no Rio de Janeiro, a segunda Conferência Mundial para o Meio Ambiente e Desenvolvimento – Eco-92 - obteve, entre seus resultados mais importantes, a formulação de documentos relacionados à exploração dos recursos naturais do mundo e ao desenvolvimento sustentável.

1998

Lei 9.605/98 - Lei de Crimes Ambientais 1998

Dispõe sobre as sanções penais e administrativas derivadas de condutas e atividades lesivas ao meio ambiente, e dá outras providências.

1998

Convenção de Roterdã 1998

Convenção de Roterdã sobre o Procedimento de Consentimento Prévio Informado (PIC) Aplicado a Certos Agrotóxicos e Substâncias Químicas Perigosas Objetode Comércio Internacional.

O manejo ecologicamente seguro das substâncias químicas tóxicas, incluída a prevenção do tráfico internacional ilegal dos produtos tóxicos e  perigosos, consta doCapítulo 19, da Agenda 21, que reconhece que a utilização substancial de produtosquímicos é essencial para alcançar os objetivos sociais e econômicos da comunidade mundial. As melhores práticas modernas demonstram que eles podem ser utilizados com boa relação custo/eficiência e com alto grau de segurança.

2002

Joanesgurgo 2002

 

CIMEIRA DE JOANESBURGO aprova medidas amplas para reduzir a pobreza, proteger o ambiente

Please reload

Criação e Gerenciamento: REBRAEN

  • w-facebook
  • Twitter Clean
  • w-googleplus